segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Abobrinhas

O que foi esses dias?? Maravilhosos! Adorei! Tomei banho de sol, caminhei na orla do Guaíba. E quando voltei para casa o que comer? Até eu que sou comilona perdi um pouco do meu conhecido apetite. Então me lembrei de uma receita de Massimo Ferrari, que é perfeitas para dias quentes.

Corte a Abobrinha em sentido longitudinal, em fatias final. Quem tiver aquele aparelhinho que vende na TV, vai ser super fácil. Esquente uma frigideira anti-aderente e passe um fio de azeite, retire o excesso com um papel toalha e grelhe-as até ficarem com as bordinhas meio torradinhas. Distribua em um prato. Por cima coloque azeitonas pretas, alcaparras escorridas, manjericão, salsinha verde bem pequenininhos. Depois tempere com azeite de oliva e vinagre balsâmico.

Fica super bom com um corte de carne ou um peito de frango. Vinho branco, Champagne...

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Pouca comida e muito calor!

Hoje me dei conta que já estamos no fim do mês do cachorro loco, AGOSTO, e que em menos de uma semana Setembro esta ai. Setembro trás com ele a PRIMAVERA. Mês das flores, das tarde de sol. Graças a Deus o inverno esta pra acabar. Comidinhas leves, exercício, tomar banho de sol!! Tudo isso pra mim é primavera.

Como todas as mulheres nessa época tento novas dietas que NUNCA vão a frente, pelo motivo que eu já contei, sou uma gulosa e adoro comer bem, por esse motivo me tornei cozinheira. Ainda bem que o calor me deixa com vontade de comer comidas menos calóricas. o que já ajuda muito.

Uma fatia de quiche e uma salada. Salada, salada e mais saladas ... sopas mais leves, peixes com molhos refrescantes hummm ... Viva o calor!!!

Salada de Endivias com Nozes e Queijo Roquefort
Para o molho

  • 3 col (sopa)de suco de limão
  • 1/4 de col (chá) de sal
  • 1/4 de xícara de azeite de oliva de boa qualidade.
  • 2 col ( sopa) de creme de leite.
Salada
  • 250g de endivias.
  • 60 g de nozes picadas
  • 60g de queijo roquefort
Modo de fazer
Misturar todos os ingredientes no molho, batendo levemente para emulsionar. Reserve.
Higienizar as folhas das endivias.
Em uma saladeira colocar s folhas as nozes picadas mas não muito e esmigalhar o queijo com as mãos. Misturar o molho na hora de servir.

Quiche sem massa
Ingredientes:

  • Manteiga para untar a forma
  • 500g de cebola
  • 3 col (sopa) de manteiga sem sal
  • 1 col de tomilho fresco
  • Sal e Pimenta a gosto
  • Noz moscada
  • 4 ovos grandes
  • 60 ml de leite integral
  • 3 col (sopa) de creme de leite
Modo de fazer:
Pré-aqueça o forno a 220C
Unte uma forma de 27 cm
Parta as cebolas ao meio, no sentido do comprimento. E corte em fatias bem finas. Em uma frigideira grande e fria, misture a cebola, a manteiga, o tomilho, o sal , pimenta e noz moscada. Leve ao fogo moderado com a frigideira tampada, até as cebolas ficarem macias +ou - 8 min. Não devem ficar caramelizadas nem douradas. Verifique o tempero e reserve.Abra os ovos, ponha e, uma tigela de tamanho médio e bata. Junte o leite e o creme de leite. Bata novamente. Reserve.Ponha as cebolas em uma forma alisando a superfície com as costa de uma colher. Regue-as com a mistura de ovos. Tempere com mais sal, pimenta e noz moscada.
Leve ao forno e asse até estar bem dourada a superfície.Para saber se seta assado, enfie uma faca no meio da quiche, se sair limpa esta pronta. Não deixe assar menos ou a quiche ficará mole, sem estar firme. Tempo de forno, mais ou menos 30 min.
Espere descansar por 5 min. Sirva com vinho branco.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Para Confortar a Alma!



 
Ao contrario da maioria das mulheres que comem doces quando estão tristes, eu como massa. Um grande e belo prato de macarrão. O molho pode variar. Pode ser um tradicional Aglio E Olio, ou só com tomates e manjericão fresco. O que importa mesmo é que seja massa, e de preferência Spaguetti.
Sou chata para comer, muito chata diria, culpa todinha da minha mãe, que é uma excelente chef de cozinha. Então nada de molhos pesados, prefiro molho vermelho ao molho branco. Nunca a massa nadando no molho, tem que ter um simetria entre eles.
O macarrão me conforta tanto talvez por que me lembra a casa do meu avô. Que nas minhas lembranças mais remotas, vejo ele abrindo a massa com um cilindro de manha bem cedo. Ele naquela época já ficava impressionado com a quantidade de massa que eu comia, deixava de comer o galeto para ter mais espaço. Quem me conhece sabe que sou comilona. Nada de novidade até aqui.
A receita de hoje na verdade são duas, PASTAS ALLA CARBONARA E ALLA CALIFÓRNIA.

 
Carbonara
Ingredientes

  •  500g de massa SPAGUETTI grano duro
  • 30g de manteiga
  • 2 col (sopa)de azeite de oliva
  • 125g de bacon cortadas em fatias grossas
  • 6 col (sopa) de vinho branco seco
  • 4 gemas
  • 4 col(sopa) de queijo ralado de preferência parmesão ou pecorino (melhor ainda os dois)
  • sal e pimenta moída na hora.
  • 1 col (sopa) de salsa bem picada
Modo de fazer
Ponha em uma panela grande 4 litros de água e deixe ferver.
Coloque a manteiga e o azeite em uma panela pequena sobre o fogo médio. Quando a manteiga tiver derretido, adicione o bacon cozinhe até estar bem dourado mas não quebradiço. Junte o vinho branco e continue cozinhando até que tenha reduzido á metade. Retire do fogo e reserve.
Quando a água estiver fervendo e o molho estiver fora do fogo, adicione uma colher de sal e ponha a massa na água.
Em uma tigela grande o bastante para caber toda a massa, bata ligeiramente as gemas com o queijo, salsa uma pitada de sal e um pouco de pimenta moída na hora. (Para quem gosta pode colocar um pouquinho de Noz Moscada, mas bem pouquinho mesmo). Quando a massa estiver al dente, volte a panela com o Bacon para o fogo, então escorra a massa e adicione-a à tigela com a mistura contendo as gemas. Mexa até a massa estar bem coberta com a mistura de gemas. Adicione o bacon e sirva em seguida bem quente.

 
Califórnia
Ingredientes
  • 500g de fettuccine
  • 1 xicara de salsa
  • raspas de 1 limão siciliano
  • raspas de 1 limão tahiti
  • raspas de uma laranja
  • 1 Punhado de queijo parmesão
  • 1 dente de alho
  • 1/2 xícara de amêndoas ou nozes
  • azeite de oliva quanto baste
  • 2 alhos porós
  • 6 corações de alcachofras
  • 1/2 cálice de vinho branco seco.
Modo de Fazer
Em um processador de alimentos bater a salsa, as raspas dos limões e da laranja, queijo, alho, as amêndoas e o azeite. Até obter um molho. Reservar. Este é um pesto cítrico.
Cortar em rodelas o alho poró e refogar em uma panela com um fio de azeite e seguida colocar as alcachofras e o vinho e deixar até que elas estejam macias.
Em uma panela grande colocar 4 litros de agua e deixar ferver. Quando estiver borbulhando a agua adicionar a massa até que fique al dente.
Escorrer a massa a misturar como pesto cítrico. Depois de bem agregado pesto adicionar a alho poró com as alcachofras.

 
Bom apetite!!

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Mi Buenos Aires Querido!!







Essa época do no ano parece que alguma coisa me chama a Buenos Aires. Adoro essa cidade, namoro ela a muito tempo.
Buenos Aires te convida para os melhores prazeres, diria que é quase uma cidade afrodisiaca. Pena que com essa gripe do porco pairando por ai, não poderei ir.
Essa cidade tem tudo! Tem Francis Mallmann, grande Chefe de cozinha, tem medialunas com ramon y queso, maravilhosos cafés para passar a tarde preguiçosas tomando vinho sem culpa, (alias os portenhos nem conhecem essa palavra), bares incríveis para de noite tomar uma cerveja, Football, tango a dança mais sensual do mundo e mais um milhão de outras maravilhas.

Para os que assim como eu são loucos por Buenos Aires, mas estão com medo de ir, passem na Merco Pan, ali na Ijui, 641. A padaria é uruguaia mas lembra muito as medialunas de lá.

A receita de hoje é um dos pratos favoritas do Cantor Carlos Gardel, o Gênio do Tango!
Puchero Criollo

  • 1/2Kg de charque
  • 1/2 Kg de linguiça em rodelas
  • 250g de Bacon
  • 1Kg de ossobuco de cordeiro (com osso)
  • 1Kg de músculo
  • 1 galinha cortada nas juntas
  • 2 xícaras de feijões branco deixado de molho durante a noite
  • 1 cebola grande, espetada com 2 cravos e duas folhas de louro
  • 4 batatas grandes
  • 4 batatas-doces
  • 4 cenouras em rodelas
  • 2 alhos porós
  • 4 mandioquinhas
  • 1 repolho
  • 1/2 abóbora em cubos
  • Salsinha picada a gosto
  • Pimenta e sal a gosto.

  • Modo de fazer:
Coloque charque de molho por cerca de 24 horas, trocando a agua seguidamente.
Corte todas as carnes e legumes em pedaços grandes.
Depois de dessalgado, cozinhe o charque em uma panela, com a linguiça e o Bacon. Após o cozimento jogue fora a agua fora e reserve as carnes.
Cozinhe as demais carnes - ossobuco, músculo e galinha- com a cebola e o louro em bastante agua. Tempere com sal e pimenta.
Depois de cozidas as carnes reserve. Aproveite o caldo para cozinhar o feijão, colocando mais agua se necessário.
Na metade do cozimento ou quase no final, junte os legumes verduras dor ordem de textura, cozinhando-os no caldo junto com o feijão.
Quando tudo estiver cozido coloque as carnes junto com o feijão e sirva bem quente. Finalize com salsinha.
Acompanha arroz.
Rendimento 8 a 10 porções.

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Um brunch para o papai



No próximo domingo comemoramos o dia dos pais, quem sabe em vez de fazer o tradicional churrasco, faça um belo brunch para o seu pai?!
Nada de complicado e delicioso.
Se você não tem muito dotes culinários compre a maior parte.
Compre pelos pães, geleias, presunto cru, queijos, uma quiche. Sirva um vinho ou um espumante. Faça drinks, uma mimosa quem sabe?! Champangne com suco de laranja, vai super bem.
Para não ser tudo cara de super mercado, compre cogumelos paris e recheie com queijo
Gorgonzola, ponha no forno até derreter. Queijo Camenbert com geleia de pimenta. Uma salada verde (alface, rúcula, agrião). E faça as tradicionais panquecas americanas, para servir com mel quente.

Ingredientes:
  • 2 xícaras de farinha de trigo
  • 2 xícaras de leite
  • 2 ovos
  • 2 colheres (sopa) de fermento
  • 4 colheres (sopa) de açúcar
  • 4 colheres (sopa) de óleo
  • 8 colheres (sopa) de manteiga
  • 1 pitada de sal
  • 1/2 xícara de mel
Modo de fazer:
Bata todo no liquidificador.
Em uma frigideira anti aderente quente ponha uma concha da massa, espere dourar de um lado e com a ajuda de um espátula vire.
Esquente o mel no micro-ondas, e sirva.
Essa receita faz mais ou menos 12 pankecas.

Comemore o dia no melhor estilo americano.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Elvis com Banana



O rei do rock não ficou gordinho por acaso. Comia descontrolada mente, chegou a pesar 115 quilos. Tinha um apetite! Em geral por porcarias, fast-food.


Comprou um Cadillac cor-de-rosa e passou a adorar algodão doce, comia pipoca com manteiga e pimenta do reino, cachorro-quente com muita mostarda e ketchup. Mas adorava mesmo era bananas, certo dia comeu meia dúzia de sundaes com calda quente e foi parar no hospital com a famosa "congestão".


Em Memphis até 2003 tinha um restaurante que o cardápio era só de comidinhas do Rei, infelizmente fechou. Porem deixou a receita da famosa torta de banana do rei.


Facinha de fazer e super gostosa.

Ingredientes

Massa

  • 125g de manteiga em temperatura ambiente
  • 1ovo
  • 1/2 xícara de chá de açúcar
  • 21 colheres de sopa de farinha de trigo
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • 1 pitada de sal
Recheio
  • 1/2 litro de leite
  • 2 colheres de sopa de maisena
  • 3 gemas
  • 6 colheres de sopa de açúcar
  • 1 colher de chá de essência de baunilha
  • 6 ou mais bananas maduras e firmes
  • canela e açúcar cristal para polvilhar a torta do fim.
Preparo
Massa
Misture a manteiga, os ovos, o açúcar e o sal.
Junte a farinha de trigo peneirada e amasse com as mãos até obter uma massa homogênea.
Coloque a massa em uma forma redonda e com as mãos espalhe, até que toda a forma esteja forrada com uma fina camada de massa.
Recheio
Em uma panela, misture o leite com a maisena, o açúcar e as gemas. Leve ao fogo brando, mexendo sempre ate ferver e ganhar consistência. No Final do cozimento misture a essência de baunilha.
Montagem
Corte as bananas em tiras, no sentido do comprimento.
Sobre a massa coloque tiras de banana até que cubra toda a massa. Polvilhe com canela. Depois ponha o creme de baunilha e finalize com bananas, distribuídas harmoniosamente sobre o creme. Polvilhe o açúcar cristal com canela.
Leve ao forno preaquecido a 200 graus por cerca de 30 a 40 minutos.
Desenforme a torta fria.
Rendimento: 8 a 10 fatias
Se você for um apreciador de bananas como o rei, aproveite e se delicie.