segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Menos é MAIS


Minha madrinha de casamento e minha grande incentivadora da culinária, Roberta Cidade D’Mutti, dona de uma das lojas mais charmosas do moinhos a Dona Glamourosa, passa me pedindo receita do molho pesto. Como eu passo incomodando ela na loja, quando eu me lembro faço um potinho para compensar toda a minha chateação. Ela assim como a maioria das minhas amigas trabalham muito e tem pouco tempo para se dedicar ao afazeres culinários. Mas esse molho é extremamente fácil de fazer e quebra o maior galho. Além de ser muito bom, não tem quem não goste.
Pode ser servido como molho de salada, pode ser a cobertura de uma pizza, o molho de uma massa, uma molhinho para torradinhas de entradas, saltear um camarão e colocar uma colher deste molho, o Grand finale de uma sopa … É só usar a imaginação.

Dica: Deixo ele congelado sem os pinolis e uso as colheradas para temperar a comida. Também pode ser feito com salsinha, fica muito bom também.
Molho PESTOColocar no liquidificador dois maços grandes de manjericão desfolhados, dois dentes de alho, uma colher de chá de pinoli (pode ser substituído por nozes), uma colher de sobremesa vinagre branco, um bom punhado de queijo parmesão, um pouquinho de noz-moscada ralada na hora, algumas gotas de molho inglês, pimenta do reino, sal a gosto. Aperte a tecla pulse várias vezes e adicione 50 ml de azeite de oliva extra virgem colocando aos poucos em velocidade baixa até virar um creme verde e muito cheiroso.

Isso só faz valer aquela máxima em que menos é mais!

Nenhum comentário: